Home Belford Roxo Estado realiza projeto resgatando cidadania em Belford Roxo
Belford Roxo - Cidadania - 27 de junho de 2011

Estado realiza projeto resgatando cidadania em Belford Roxo

O Governo do Estado do Rio de Janeiro realizou através da Fundação Leão XIII, neste sábado (25/06), o Projeto Resgatando Cidadania, que levou serviços de saúde, documentação e estética aos moradores de Belford Roxo. A ação social aconteceu na Escola Municipal Belford Roxo, no bairro das Graças, e contou com a parceria do Detran, Secretaria de Trabalho e Renda (Setrab), Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), e Abeu Centro Universitário (Uniabeu). De acordo com a assessora técnica da Fundação Leão XIII, Mônica Tenuta, foram atendidas cerca de 2 mil pessoas durante o evento.

Na ação social, pessoas a partir de 40 anos de idade e com renda até dois salários mínimos puderam utilizar os serviços do Projeto Novo Olhar, onde profissionais da área de saúde realizaram exames oftalmológicos com avaliação para cirurgia de catarata. Já quem recebeu indicação para a cirurgia pôde fazer os exames pré-operatórios no próprio evento, sendo a cirurgia agendada para realização em hospital particular, tudo sem despesa para o usuário.

Também os óculos foram oferecidos de graça para quem recebeu indicação médica. Dona Maria Lima, 62 anos, moradora do bairro Boa Esperança comemorou o presente.

– Vou ganhar dois óculos. Um para longe e outro para perto. Que maravilha! Não estava podendo comprar nenhum! – disse, após a escolha do modelo que receberá em data marcada.

Ismar Patrício, 54 anos, ficou sabendo da ação através da panfletagem que foi feita no bairro.

– A gente que trabalha quase não tem tempo, por isso a ação social é muito válida – pontuou.

O serviço de documentação da Fundação Leão XIII emitiu Carteira de Trabalho e Previdência Social (1ª e 2ª vias), além do formulário de isenção de pagamento de taxas cartoriais para obtenção da segunda via da carteira de identidade e das certidões de nascimento, casamento e óbito, e o Detran, emitiu a primeira via da Carteira de Identidade para pessoas a partir de 12 anos. As fotos para os documentos foram oferecidas gratuitamente pela Fundação Leão XIII.

Cristiano da Silva, 14 anos, estudante, aproveitou para tirar o documento de identidade.

– Estudo aqui na escola e vim com minha irmã para fazer o documento. Essa ajuda é para toda a comunidade e isso é muito legal – avaliou.

Já Vanoir Lourenço, 58 anos, veio do centro do município para tirar a segunda via do documento.

– A minha carteira já estava muito velha. E trouxe o meu sobrinho que teve os documentos roubados – comentou.

Os cuidados com a aparência pessoal ficaram sob a responsabilidade da Faetec que disponibilizou corte de cabelo para homens, mulheres e crianças e também depilação facial e serviços de manicure para as mulheres. As crianças receberam aplicação de flúor, além de ganhar um kit contendo escova, pasta de dente, fio dental e, ainda, orientação sobre a correta forma de escovação.

Exames de glicemia, medição de pressão arterial, bem como o cuidado com a saúde da mulher, através de exames preventivos e de mama, foram prestados pela equipe da Uniabeu. Foi montada também uma tenda com serviço de cadastro em balcão de emprego, com parceria da Setrab. 

 

Fonte : Governo do Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Duque de Caxias cadastra famílias de baixa renda nos programas do governo

A partir de agora cem famílias que moram na comunidade Nova Jerusalém, no entorno do Rio S…