Home Duque de Caxias Caxias: Feira Literária é destaque na Festa de Santo Antônio
Duque de Caxias - Notícias - 15 de junho de 2013

Caxias: Feira Literária é destaque na Festa de Santo Antônio

Novidade na Festa de Santo Antônio, a Feira Literária de Caxias atraiu centenas de pessoas ao Centro da cidade nesta quinta-feira (13/6), com o Caminhão da Leitura e o estande montado em frente à Praça do Pacificador. O festival é promovido pela secretaria municipal de Cultura e Turismo, e até domingo (16/6) irá realizar diversas atividades de incentivo à leitura em crianças e adultos, como oficinas e brincadeiras.

Autores da Baixada Fluminense participaram do bate-papo literário no auditório Solano Trindade

Iniciado em 2001, o Caminhão da Leitura completou 12 anos de saídas efetivas em abril. A atividade faz parte do programa Leia Caxias e tem como objetivo incentivar o hábito de ler nos alunos da rede municipal. Estimuladas pelos pais, crianças de todas as idades visitavam o caminhão e se mostravam bastante animadas. Foi o caso do pequeno Samuel Cruz, de 7 anos. Fã dos gibis da Turma da Mônica, o garoto passou um bom tempo no caminhão lendo para o pai, Jaílson Leite. “Ele adora ler. Desde pequeno procuro criar esse hábito nele. Hoje temos uma ótima oportunidade para incentivar a leitura nas crianças aqui na praça”, frisou o pai.

 

Fã de gibis, Samuel Cruz lê uma história para o pai, Jaílson Leite, no caminhão da leitura
Fã de gibis, Samuel Cruz lê uma história para o pai, Jaílson Leite, no caminhão da leitura

Nos estandes, a procura foi grande pela pescaria literária. Responsável pela biblioteca de Jardim Primavera, Bianca Paiva,

explicou que teve que distribuir senhas para evitar uma grande aglomeração. Mãe de três filhos e esperando mais um, Ana Carolina, 26 anos, elogiou a iniciativa de realizar a atividade durante a festa do padroeiro da cidade. “Meus filhos adoram ler. Essas ações são ótimas porque, além de estimular a leitura, ajudam os pais que muita das vezes não têm dinheiro para comprar um livro”, disse enquanto auxiliava o filho Luan Fonseca Gomes, 8 anos, a pescar e ganhar os livros “O Pulo do Gato” e “O povo em armas”.

 

Professora em uma ONG, Dayane Araújo pretende levar a experiência do Livro de Tecidos para seus alunos
Professora em uma ONG, Dayane Araújo pretende levar a experiência do Livro de Tecidos para seus alunos

Na sala de leitura Hellenice Ferreira, a escritora Solimar Silva lia seu livro “Mamãe foi trabalhar” para as crianças. Professora da escola municipal Professora Olga Teixeira de Oliveira e na faculdade de letras da Unigranrio, a autora elogiou a iniciativa da Prefeitura. “Essas atividades são muito necessárias. Temos uma carência de eventos assim em Duque de Caxias. Espero que tenha vindo para ficar”, afirmou.

 

A Sala de oficinas Paullo Ramos recebeu a atividade “Livros de tecido”, com Rita Curvello. A oficina ensinou montagem e colagem com temas infantis. Professora em uma Organização Não Governamental (ONG), Dayane Araújo Silva planeja levar a ideia para seus alunos. Para ela,isso ajuda as crianças na associação de imagens.

 

O festival ainda contou com o bate-papo literário com autores da Baixada Fluminense, no auditório Solano Trindade e vendas de livros e o Centro de Referência da Cultura dos Povos Originários da Oca Jacutinga em Duque de Caxias, com Afonso Tapuriná, no balcão literário Francisco Barboza Leite. No mesmo lugar, Wellerson Bonner lançou sua obra “Os dois lados do mundo”.

 

Nesta sexta-feira (14/6), as atividades continuam com a contação de histórias e mediação de leituras com agentes de Pólo de Leitura da Rede de Bibliotecas Comunitárias de Duque de Caxias, a partir das 17 horas, na sala de leitura Hellenice Ferreira; Reciclagem Literária com Lady Pires, na sala de oficinas Paullo Ramos; Lançamento de obras de autores da Baixada Fluminense, no Balcão Literário Francisco Barboza Leite; e o bate-papo literário com as autoras Maria Vitória Santana e Solimar Silva, com mediação de Vera Lúcia dos Santos da Silva, no auditório Solano Trindade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Artista plástico Paullo Ramos morre aos 70 anos

Morreu na madrugada de segunda-feira (06/04/2020) o artista Plástico Paullo Ramos. Paullo …