Home Notícias Tecnologia 5 coisas que você precisa saber antes de usar as assinaturas do Facebook
Tecnologia - 28 de setembro de 2011

5 coisas que você precisa saber antes de usar as assinaturas do Facebook

Novo recurso complicou ainda mais as configurações de privacidade da rede social. Cuidado para não expor mais da sua vida do que gostaria.

Se você não utilizá-lo corretamente, o novo recurso do Facebook que permite “assinar” usuários poderá transformar sua rede social em uma bagunça: atualizações privadas se tornando públicas e spams por toda a parte.

As assinaturas, que chegaram ao Facebook na semana passada, permitem ao usuário ver as atualizações de outro sem, necessariamente, adicioná-lo como amigo. E, embora a função seja interessante para conectar-se com pessoas com quem, de outra forma, não seria possível, algumas críticas já aparecem por conta do cuidado que a ferramenta exige.

Caso o recurso, ainda assim, te atraia, é melhor saber onde pisa antes de cometer gafes. Elaboramos cinco tópicos para que você não envie os pés pelas mãos e seja traído plea tecnologia.

Essa atualização é pública?
Nas suas configurações de privacidade, é preciso customizar qual será o tratamento dado as suas atualizações: se serão visualizadas, por todos, só por amigos, por um grupo em particular. O perigo é que, mesmo selecionando a opção desejada, você não estará a salvo.

A configuração só será levada em consideração no conteúdo em que as opções de privacidade não aparecem na hora de postá-lo. É o caso, por exemplo, com o aplicativo para BlackBerry, mas não funciona com a versão para PC do Facebook ou o programa para iPhone.

Por exemplo, se alguém passar a assiná-lo, esta pessoa só poderá visualizar as atualizações em que o ícone “público” for selecionado no menu. E atenção: na próxima vez que você for postar algo, esta escolha será adotada automaticamente, ou seja, se quiser compartilhar algo mais reservado, será necessário escolher o item “amigos” ou “amigos de amigos”, entre outros.

Atualizações públicas, comentários públicos
Quando você assinar um usuário, todas as atualizações públicas dele aparecerão em seu mural. É importante lembrar, portanto, que qualquer comentário que você fizer ao post também será tratado dessa maneira.

Para ser mais claro: se uma celebridade com milhares de assinantes compartilhar alguma coisa, seu comentário poderá ser visualizado por todos os fãs. Pior, se o perfil deste internauta puder ser pesquisado a partir do Google – há essa opção no Facebook – sua afirmação estará ainda mais em evidência.

Mural poluído
O problema de assinar tantos usuários quanto no Twitter é que seu mural poderá ficar bem confuso. Tudo o que essas pessoas compartilharem publicamente aparecerá na sua página, misturado ao conteúdo postado por seus amigos, por exemplo.

Infelizmente, o FB ainda não criou uma lista para assinantes, de modo que o internauta tivesse uma página onde apenas esse tipo de material seria visualizado. Enquanto isso não for providenciado, limpar a bagunça pode dar muito trabalho.

Há, porém, uma alternativa. Vá até o perfil da pessoa em questão e leve o mouse até o ícone “assinado”. Um menu aparecerá, no qual você poderá selecionar o conteúdo que será exibido. A opção padrão é “atualizações mais recentes” e, abaixo, todos os tipos de posts estão selecionados. Assim, é possível escolher “somente atualizações importantes” – mudanças de cidade ou de relacionamento – ou configurar que apenas as fotos serão mostradas.

Assinaturas ou Spam?
Na última semana, eu habilitei as assinaturas. Depois de algumas horas, quando abri meu perfil, uma surpresa: um monte de contas havia começado a me seguir. O problema é que a maioria não parecia de internautas legítimos.

Quando você permite que as pessoas te assinem, não poderá retirá-las da lista ou bloqueá-las. A única coisa a ser feita é impedir que elas comentem em suas publicações. Também pode escolher não ser alertado via e-mail quando um novo usuário passar a segui-lo.

Para editar as configurações das assinaturas, vá até a opção “assinaturas”, abaixo de sua foto de perfil, e, depois, selecione “editar configurações”.

Cheque seu perfil
Para garantir que você não está deixando nada escapar, vá até sua página de perfile clique em “ver como”. Na caixa de texto, você poderá ver como seu perfil é exibido para cada um de seus amigos.

Para visualizar como pessoas que não te adicionarem veem seu perfil, clique no link “public”, mostrado acima da caixa de texto. É capaz de que descubra algumas coisas até então ignoradas.

No meu caso, por exemplo: pude perceber que meu e-mail, meus interesses e minha formação eram visíveis a todos os membros da rede social, algo que, definitivamente, não gostaria. Fui até as configurações de privacidade e corrigi o erro.

Por último, caso você queria habilitar as assinaturas por motivos profissionais, lembre-se: seu perfil terá de tornar-se mais “profissional” também. O primeiro passo talvez seja alterar sua foto de exibição.

(Kristin Burnham)
IDGNow

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Samsung apresenta o GALAXY S4 mini

A Samsung Electronics traz ao Brasil o Galaxy S4 mini, a versão compacta do Galaxy S4, que…