Home Notícias Esportes Jogador Celsinho do Queimados FC comemora fama instantânea depois de marcar oito gols
Esportes - Notícias - Queimados - 15 de março de 2012

Jogador Celsinho do Queimados FC comemora fama instantânea depois de marcar oito gols

A bola da vez é Celso Ferrão, o Celsinho. O nome pode ser desconhecido, mas o jogador da Baixada Fluminense se tornou o centro das atenções da imprensa esportiva após realizar um feito histórico que poucos atletas conseguiram. Fazer oitos gols em uma partida profissional. A marca foi alcançada no último domingo, dia 11 de março, quando o camisa 10 do Queimados Futebol Clube fez todos os gols da vitória de sua equipe sobre o CSE Arthurzinho por 8 a 2 na Série C do Campeonato Carioca.
Destaque em 2011 na estréia do Queimados na Série C do campeonato estadual com uma média de 0,9 gols, o jogador é um dos muitos casos em que atletas talentosos não são revelados por clubes tradicionais. “Quando tinha uns 15 para 16 anos fiz testes no Flamengo, Fluminense e no Vasco, mas infelizmente não passei. Isso não me desanimou. São coisas do futebol”, contou Celsinho, que já recusou  propostas de outros clubes para não ficar longe da mãe “coruja”, Ana Maria Ferrão.
Com 28 anos e morador de Queimados, a façanha do artilheiro rendeu seus 15 minutos de fama, mas diz estar com pés no chão e que não esperava tanta repercussão sobre o episódio. “Não esperava tudo isso. Os gols surgiam naturalmente e quando vi já tinha feito oito. No dia seguinte meu telefone não parava de tocar com repórteres querendo me entrevistar”, comentou o jogador assustado.
Mesmo sabendo da idade avançada para deslanchar a carreira profissional em outros clubes, o atleta não desanima e vê com otimismo uma proposta para jogar até fora do país. “Sei que muitos jogadores profissionais são revelados na própria categoria de base do clube. Mesmo com 28 anos não vejo problemas em jogar num clube de ponta, mesmo que seja em outro país. Acredito no trabalho dentro de campo”, afirmou o atacante, que é torcedor do Vasco desde a infância e se espelha nos ídolos cruzmaltinos: Edmundo, Juninho Pernambucano e Felipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Artista plástico Paullo Ramos morre aos 70 anos

Morreu na madrugada de segunda-feira (06/04/2020) o artista Plástico Paullo Ramos. Paullo …