Home Notícias Seropédica realiza projeto “Meu bairro sem dengue”
Notícias - Saúde e Bem-estar - Seropédica - 28 de fevereiro de 2013

Seropédica realiza projeto “Meu bairro sem dengue”

Projeto Meu Bairro Sem DengueSegundo o secretário de Saúde de Seropédica Marcelo Tinoco, todos os anos, com o início do período chuvoso, há o aumento expressivo dos casos de dengue, gerando epidemias em muitas cidades, inclusive em Seropédica, como é de conhecimento público o enfrentamento desse problema, em alguns aspectos, transcende o setor de saúde, temos também o fator ambiental e climático assim, percebemos a importância da conjugação de uma série de esforços solidários e de parcerias a fim de buscar a redução do índice de infestação do mosquito Aedes aegypti, e consequente redução de casos suspeitos de dengue.

A proposta do Projeto Meu Bairro Sem Dengue é baseada na Mobilização Social, parcerias com outras Secretarias tais como de Obras, Ambiente e Agronegócios, de Educação, Cultura e Esportes, Comunicação, Turismo e Eventos, como também parcerias com Associação de Moradores, Empresas, Comércios, com o objetivo de minimizar o impacto da dengue sobre a população do Município de Seropédica.

O Projeto visa promover através de ações educativas o esclarecimento da população com materiais informativos de prevenção e controle da dengue, com linguagem da comunidade a ser mobilizada, coerentes com a cultura local e apoiando manifestações artísticas e culturais que possam atuar na comunicação e na mobilização social. “Só conseguiremos acabar com a DENGUE se a população fizer a sua parte, não podemos deixar em nossas casas recipientes que possam acumular água e consequentemente virar um criadouro de larvas do mosquito da DENGUE”, disse o secretário de Saúde Dr. Marcelo Tinoco.

A proposta do Estado de 10 minutos contra Dengue consiste em orientar e firmar um compromisso com a população de apenas uma vez por semana por 10 minutos, eliminar possíveis focos de mosquito, dentro de nossas casas basta fazer uma checagem de cerca de 10 minutos uma vez por semana, nos locais onde o mosquito costuma colocar seus ovos; esteja onde estiver em casa, no trabalho, em viagem, etc.

Além do projeto citado, os Agentes de Combate a DENGUE realizam na rotina 5 (cinco) visitas anuais as residências a cada 2 (dois meses), onde o principal objetivo é buscar a participação da população no Combate ao Mosquito da DENGUE. “Existem ainda as equipes de Ponto Estratégico que visitam as borracharias, ferro velhos e os locais com grande concentração de depósitos, aplicando inseticida; e a equipe de UBV que nos casos confirmados de DENGUE, realizam bloqueio seguindo a Nota Técnica do Estado com Diretrizes do ministério da Saúde com aplicação de inseticida”, informou Tinoco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Artista plástico Paullo Ramos morre aos 70 anos

Morreu na madrugada de segunda-feira (06/04/2020) o artista Plástico Paullo Ramos. Paullo …